Seguidores

sexta-feira, 20 de março de 2009

Queres vir comigo à casa de banho?

Atitude simples e inocente, comum nas mulheres, mas impensável e até inadmissível, quando tomada pelos homens.
Nesta atitude há uma antiga lógica ancestral.

Na pré-história por muito tosca que fosse a caverna ou um abrigo, as pessoas teriam que se deslocar a algum ponto próximo para satisfazer as suas necessidades fisiológicas.

As mulheres, muitas vezes sozinhas nas cavernas tinham que se proteger de eventuais perigos quer de animais selvagens quer de outros humanos, de clãs diferentes e com pretensões duvidosas. Assim convidavam-se mutuamente para se fazer acompanhar neste percurso.

Fonte: O sagrado e o Profano de Mircea Eliade

3 comentários:

Jorge C. Reis disse...

Essa não sabia, mas tem toda a lógica.
Bj

LETÍCIA CASTRO disse...

Emília, que máximo! Meu marido sempre me pergunta por que fazemos isso e eu nunca consegui responder. rs Lemos o post juntos e agora está explicado. Adorei!
Beijos!

Vivendo pela Palavra de Deus!!! disse...

Oi Emilia você foi no fundo do báu né amiga,srrsrsr? Muito bom

Te desejo uma bela noite