Seguidores

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Por que falam as mulheres mais do que os homens

Desde meninas, não só começam a falar mais cedo do que os rapazes, como mais facilmente começam a desenvolver o culto da palavra, a argumentar e a gostar de expor os seus pontos de vista.
As mulheres consolam-se a falar e gostam de, sistematicamente dar conselhos.
Elas também têm uma grande propensão para a crítica, emendar, corrigir, ensinar e ralhar. Gostam e fazem-no com frequência. Descarregam o seu stress, falando. Mesmo não tendo nada para dizer falam continuamente.
Ao contrário os homens isolam-se muitas vezes, ou procuram refúgios, porque muito simplesmente se sentem bem sem falar.
É frequente a mulher insurgir-se contra o silêncio do marido, atribuindo a tal atitude, mau humor ou desinteresse por ela ou pelo que ela diz.
O homem quanto mais pressionado para falar, mais se isolará. Inconscientemente gosta de, de vez em quando, se afastar de tudo e de todos, pensar sozinho, em estar apenas sem falar. Ou então de se encontrar com os amigos para partilhar com eles o que o preocupa.
Ao contrário da mulher que sente alívio nos seus problemas falando deles, o homem recusa-se a falar do que o perturba.
Ele necessita de isolamento, de se sentir livre para pensar e resolver deste modo os seus problemas.
A mulher gosta de falar com os outros o homem gosta de falar consigo.
Eles queixam-se de que elas estão sempre a emendar o que eles fazem e a tentar muda-los. E por mais que vejam que nada conseguem, nunca desistem.
A ida de um homem ao psicólogo, além de ser pouco frequente, é para ele um martírio. É que ele considera ser um sinal de fraqueza solicitar aconselhamento.
O homem faz sempre um grande esforço para dissimular, as suas emoções.
Uma das razões da violência doméstica, para além de outras, é a incapacidade ou a grande dificuldade do homem em ripostar aos argumentos verbais da mulher.
Fonte: Artur Franco Henriques in : A mulher dominou o mundo e... Voltará a fazê-lo

7 comentários:

Paulo Roberto disse...

Olá Mikasmi, tem um selo bem legal lá no meu blog pra você, se você aceitar, usa esse link para pegá-lo:
http://portalterrabrasil.blogspot.com/2008/12/o-novo-selo-da-blogosfera.html
Tudo de bom.Abraços.

Ropiva disse...

Olha, Emilia,
Aqui em casa é o oposto.
Minha noiva, talvez pela ascendência alemã fala pouco e eu, talvez pela ascendência italiana falo muuuuito mais! hehehe Mas minha mãe, tias, avó, nossa.... Essas falam demais... hehe

Abraços

Daniela Figueiredo disse...

Emília, eu sou uma que falo muito! Dá para perceber pelo tamanho dos meus textos. Já li diversas teorias sobre o porquê das mulheres falarem mais que os homens, mas uma que me deixou surpresa, até mesmo pela sua peculiaridade, foi dos autores do livro Por que os Homens Fazem Sexo e as Mulheres Fazem Amor. Segundo eles, nós mulheres nascemos com uma espécie de cota de palavras, na qual usamos uma média de 20000 palavras por dia, contra uma média de 7000 palavras usadas pelos homens - eles nasceram com uma cota menor, o que explica - segundo os autores - quando chegam em casa à noite, e a gente pergunta: "Como foi teu dia?" E eles apenas respondem: "Bom". Pois já gastaram quase toda a cota de palavras no trabalho. Uma bela desculpa, não?
Beijos.

icommercepage disse...

Antes que eu fale bobagem aqui, vou adiantando que não é pessoal.
Falar damulher, acho difícil, quando, como já foi dito, o homem não consegue sequer falar dele mesmo. Desde pequeno o homem aprende a não chorar, ser objetivo e´é forçado a amadurecer quase sempre sozinho, entre os amigos.
Seria difícil isso não acarretar consequências, é o que acontece.
A mulher criada junto a mãe, amadurece muito mais rápido, descobre o sentido da vida muito mais cedo se casa mais cedo, enqunto o homem, brinca de carrinho e joga bola.
A mulher descobre os mistérios do nscimento, brinca com a boneca antes mesmo de aprender a falar, e aprende a falar.
O homem cresce numa completa ilusã, aprendendo a se defender, e continua a se defender, mesmo quando não é atacado, como o Bush, por exemplo, para a nossa sorte a poucos como ele.

Luiz Antonio André disse...

Minha esposa é de ascendência italiana, então já viu né ? Mas gostei da explicação, não vou mais reclamar dela.
Abraços

nando disse...

Lembrem do seguinte: JESUS, ao ressuscitar, apareceu primeiro para quem?...MARIA MADALENA (uma mulher). Por que? Para que a notícia da Boa Nova (da Ressusceição) se espalhasse o mais rápido e longe possível. Quando JESUS apareceu para TOMÉ, um homem, este duvidou. MARIA MADALENA não duvidou e saiu a espalhar a grande notícia. Viram como JESUS sempre foi o mais sábio dos homens?

kmMad disse...

Olá. Excelente artigo. Quem sabe, como diz o autor, se um dia elas não voltarão a dominar o mundo. Talvez hoje ele já estivesse muito melhor. Um abraço.